Treinamento Aeróbio

O sedentarismo já é considerado uma questão de saúde pública. Algumas doenças, como diabetes, obesidade, hipertensão, doenças cardiovasculares tem um componente genético, mas também uma relação íntima com o estilo de vida sedentário.

O treinamento aeróbio estimula adaptações metabólicas, cardiovasculares e pulmonares aprimorando o condicionamento físico e a composição corporal, melhorando, assim, a qualidade de vida.

Para que ocorram estas adaptações torna-se necessária a adesão aos programas planejados individualizados, com enfoque na intensidade, duração e frequência das sessões de treinamento. Estes fatores variam de acordo com o desempenho e os objetivos do treinamento. Seus benefícios ocorrem quando os programas levam em consideração os fatores mencionados.

Além do treinamento contínuo utilizamos o uso de treinos intervalados, que se mostram eficientes e permitem menor desgaste articular. 

O treinamento aeróbio pode ser realizado durante as aulas em grupo e individualizadas. E também os alunos podem usar livremente os aparelhos (bicicletas e transport) fora do horário de aula. Para isso, é preciso marcar uma orientação de treinamento com o professor e agendar seus horários.